Máscara De Proteção PFF2 8801H - 3m Anvisa Inmetro

6819-NV

De R$ 33,90

Por R$ 18,90

Ou R$ 17,38 A vista
Boleto ou transferência bancária

-R$ 15,00

Mais informações

Descrição

RESPIRADOR DESCARTÁVEL TIPO CONCHA – 8801H PFF-2(S) C.A.: 14209 - 3M

Para proteção das vias respiratórias contra poeiras, névoas não oleosas e fumos.

Este respirador enquadra-se na categoria PFF-2(S) e, para tanto, deve obedecer, entre outros, os seguintes requisitos estabelecidos de acordo com a norma ABNT/NBR 13698:2011 (Equipamentos de Proteção Respiratória – Peça Semifacial Filtrante para Partículas):

- Penetração máxima de partículas através do filtro mecânico: 6%

- Resistência máxima à respiração: Inalação (a 95 litros/min): 240 Pa / Exalação (a 160 litros/min): 300 Pa

- Inflamabilidade: Material não inflamável.

Recomendado para proteção das vias respiratórias e redução da exposição contra certos aerodispersóides em uma faixa de tamanho de partículas de 0,1 a 10 micra (diâmetro aerodinâmico médio) ou maiores, incluindo as geradas por eletrocautério, cirurgia a laser, e outros instrumentos médicos elétricos.

Recomendado também pelo CDC (Centers for Disease Control and Prevention) dos EUA para controle da exposição ocupacional à TB** (Mycobacterium tuberculosis).

** No documento “TB Respiratory Protection Program in Health Care Facilities”, o CDC (Centro para Prevenção e Controle de Doenças – EUA) recomenda respiradores semifaciais do tipo N95 (certificados somente pelo NIOSH) como o nível mínimo de proteção respiratória contra a exposição ocupacional ao M. tuberculosis. No Brasil, considera-se aceitável a equivalência do filtro N95 com as peças semifaciais filtrantes classe PFF-2(S), certificadas pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

Recomendado também pelo CDC para redução da exposição ocupacional a aerossóis contendo outros agentes biológicos potencialmente patogênicos e/ou infecciosos, tais como os agentes etiológicos da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), Influenza Aviária Altamente Patogênica (A/H5N1), Influenza A/H1N1, varicela, sarampo, entre outros microorganismos cuja via de transmissão seja predominantemente aérea.

Constituído por uma concha interna de sustentação - composta de não-tecido moldado em fibras sintéticas por um processo sem resina.

Sobre esta concha é montado o meio filtrante composto por microfibras tratadas eletrostaticamente.

A parte externa do respirador é composta por um não-tecido que protege o meio filtrante evitando que as fibras se soltem.


Testado de acordo com a norma ABNT/NBR 13698:2011 e aprovado pelo Ministério do Trabalho e Emprego (CA 14209) como peça semifacial filtrante para partículas, classe PFF-2(S), apresentando eficiência de filtração mínima de 94% contra a penetração de aerossóis particulados não oleosos. Este respirador possui certificação INMETRO sob nº BRP235058. Esta certificação atesta a conformidade com as normas estabelecidas pela Portaria nº 230, de 17 de Agosto de 2009 do INMETRO.

Também oferece BFE (Eficiência de Filtração Bacteriológica)*>99% contra bioaerossóis potencialmente contaminados, gerados pelo usuário do respirador, o que lhe permite ser utilizado também como máscara cirúrgica em procedimentos que requerem a proteção do campo estéril.

* Eficiência de Filtração Bacteriológica (BFE) determinada segundo o método ASTM F2101 (Standard Test Method for Evaluating the Bacterial Filtration Efficiency – BFE – of Medical Face Mask Materials, Using a Biological Aerosol of Staphylococcus aureus).

É registrado no Ministério da Saúde, conforme exigido pelo Art. 12 da Lei 6.360, de 23/09/76, e Resolução ANVISA - RDC nº 185, de 06/11/2001. Registro MS (ANVISA): no 80284930344.

De uso pessoal e intransferível.

Avaliações

29 outros produtos na mesma categoria: